Brasil no Limbo entre Negacionismo do Einstein e de Brasília

Verdade é filha do tempo, não da autoridade (Francis Bacon). Entramos em quarentena por negacionismo do Einstein e de Brasília. Estamos na contra-mão do mundo, ou seja, somos dos poucos países que não tem a menor ideia de como lidar com a pandemia, e viramos o epicentro do planeta. Dois grupos de negacionistas um jogando a culpa no outro, em um contexto que torna esta decisão a mais importante de nossas vidas pelos próximos 6 meses: centenas de milhares de mortes e centenas de R$Bilhões de perdas na economia. Não é culpa exclusiva de Brasília nem do Einstein, é da combinação de Ambos.

Podemos fingir que nada está acontecendo e deixar a coisa fluir com a estratégia atual. Mortes diárias de mais de 2.000 brasileiros que deve subir para mais de 3.000 antes de começar a cair. Isolamento não está sendo tão eficaz quanto em 2020. Novas cepas com transmissão mais rápida, maior carga viral, tempo mais longo de recuperação nos hospitais e população precisando de renda tendo em vista redução do auxílio emergencial. Provavelmente 3 a 5 meses de quarentena com aumento desemprego e de violência. A população da periferia não tem como fazer distanciamento adequado devido às condições das moradias. Vimos isto no início da pandemia e está ocorrendo ainda mais forte agora com a falta da assistência emergencial em nível seguro.

Ou podemos pesquisar a fundo o que está sendo feito na Índia, Bangladesh, Zimbabwe, Peru, Argentina, África do Sul, República Tcheca, Eslováquia, Egito, Porto Feliz, Manaus etc. Ivermectina Já! v2

1 a 2 meses para recuperação da “normalidade”, ou 3 a 5 meses.

Cada 1% de PIB representa R$74 bilhões de renda para brasileiros. O Brasil tem alguns patamares de crescimento histórico:

    • Brasil Colônia (1% ao ano)
    • Brasil Império (2%)
    • República 1889-1930 (4,1%)
    • Acompanhamento Militar 1931-84 (5,6%)

Em 2019 JB fez Brasil crescer 1%, perda de 3,1% em relação ao normal na República, ou seja R$229B. Em 2020 chegamos a -4% de PIB, perdas de R$599B. Em resumo a gestão JB já gerou R$828B de perdas para o Brasil.

Temos cientistas competentes como Fernando Reinach, Átila Iamarino e Pedro Hallal. Por que este grupo não está analisando Ivermectina com a devida atenção? Sem negacionismo ou concordância cega com os países desenvolvidos que têm interesses distintos dos nossos (enriquecem com vacinas e medicamentos não genéricos) ou com hospitais e médicos faturando alto com a doença que não respeitam o Juramento de Hipócrates.

As evidências dos benefícios da Ivermectina não conseguem ser mais científicas do que as expostas pelo grupo de médicos e pesquisadores da FLCCC. Einstein e Sírio usam azitromicina, medicamento muito menos eficaz e sem comprovação do que a ivermectina que eles menosprezam. Grupo que no início da pandemia apoiava fortemente o uso da hidroxicloroquina. Enquanto hospitais que usam ivermectina nos EUA tem mortalidade de UTI abaixo de 6% (United Memorical Medical Center in Houston), no Brasil estamos acima de 20% nos privados e em quase 50% nos públicos.

Vamos deixar sacramentar nossa posição de Párias e Ineptos do Mundo? Mesmo quando nossas vidas estão em risco?

 

Publicado por

Eduardo Giuliani

Edu é empresário nos setores de agronegócio, bioenergia, venture capital e imobiliário. Trabalhou como consultor pela McKinsey & Co. (1991-97) e investidor pela Advent International (1998-99). Iniciou estudos sobre crescimento econômico em 1994 com o Curso National Economic Strategies de Bruce R. Scott na Harvard Business School (Membro do U.S. Competitiveness Policy Council). Cursou System Dynamics no MIT (1994). Liderou trabalho de produtividade em Telecomunicações e Construção no McKinsey Global Institute (1997). Engenheiro de Produção pela Escola Politécnica da USP (1989). MBA pela Harvard Business School (1995). Tenente da Reserva do Exército (1985). Casado. Três filhos. Tri-atleta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s